Gentileza - valor


1. TEMA: Gentileza - valor
2. OBJETIVO: A criança deverá sentir-se estimulada à prática da gentileza, entendendo-a como geradora de simpatia, de alegria, de bem-estar, tanto para quem a pratica, como para quem a recebe.

3. BIBLIOGRAFIA:
Mt, 5:22 e 19:18; Gal, 6:10; Col, 3:12; Efe, 4:2, 31 e 32.
ESE, IX: 6 e XIV. Palavras de Vida Eterna (Emmanuel/F.C.Xavier), cap. 169; Celeiro de Bênçãos (Joanna de Ângelis/Divaldo P. Franco), cap. 53; Alvorada Cristã (Néio Lúcio/F.C. Xavier), caps. XV e XXVI.


4. AULA:
a) Incentivação inicial: Diálogo.
Entabular com as crianças uma conversa sobre atividades que elas desenvolvam em casa, ou atitudes que tenham na escola, na rua, que gerem simpatia e alegria. Comentar ligeiramente sobre como o bem que fazemos aos outros, espontaneamente e sem esperar recompensa, nos gratifica o coração.
b) Desenvolvimento: Narração.
AS DÍVIDAS DE BENTO (Do livro “Conta-me uma história”, de Diva Schlottfeldt )
Apesar de seus oito anos, Bento era muito pequeno. E, sendo pequeno, inteligente, os amigos da família faziam-lhe todas as vontades. Foi assim que Bento adquiriu alguns maus hábitos. O pior era o de contar o valor de tudo em dinheiro.
Certa manhã, Bento colocou debaixo do prato de sua mãe um papel bem dobradinho. A mãe assentou-se à mesa, viu o papel e o tirou toda contente; abriu-o, mas, ao vê-lo, mal podia acreditar no que lia! (FIG. 1)
Estava escrito no papel, o seguinte: (o evangelizador deverá reproduzir em folha de papel pardo ou manilha os bilhetes, para apresentá-los às crianças)


MAMÃE DEVE AO SEU FILHO BENTO:
Por levar recados ......................... R$ 1,00
Por ser bonzinho.......................... R$ 1,00
Por estudar ................................. R$ 1,00
Por ajudar nas compras ............. R$ 1,00
Por arrumar o quarto ................ R$ 1,00
TOTAL ...................................... R$ 5,00


A mãe leu, sorriu, mas não disse coisa alguma. (FIG. 2)
Na hora do jantar, ela pôs a mesa, e, ao lado do prato de Bento, R$ 5,00 e sua continha.
Como os olhos de Bento se abriram quando viu o dinheiro! Ia guardá-lo no bolso, quando percebeu que havia também um outro papel ali. Abriu-o e leu: (FIG. 3)


BENTO DEVE À MAMÃE:
Por ser bondosa para com ele .......................... NADA
Por tratá-lo quando está doente ....................... NADA
Por sapatos, roupas e brinquedos .................... NADA
Por ajudá-lo nos deveres ................................. NADA
Pela comida feita com carinho ........................ NADA
Por contar estórias e levá-lo a passear ............ NADA
TOTAL .......................................................... NADA


Coitado do Bento! Quando leu aquilo, pôs-se a chorar! Correu para sua mãe, abraçou-a, pôs o dinheiro em sua mão e disse:
– Tome, mamãe. Não quero o dinheiro. A senhora não me deve coisa alguma; quem deve sou eu.
Também quero ajudar você, papai e as pessoas, só por amor! (FIG. 4)
c) Fixação: “Correio da Gentileza”
O evangelizador levará para cada criança um envelope recortado em papel colorido, para que o montem e ilustrem. Levará também, em uma caixa, várias tiras de papel com atividades que as crianças podem realizar, como atos de gentileza. Cada criança escolherá duas ou três tiras para colocar em seu envelope, o qual será dado à mamãe.

FRASES QUE PODERÃO SER COLOCADAS NOS ENVELOPES:

VALE COLOCAR O LIXO PARA FORA
VALE UM BEIJO BEM GOSTOSO
VALE ARRUMAR O QUARTO
VALE AJUDAR NA FAXINA
VALE UMA AJUDA NO QUE A MAMÃE PRECISAR
VALE FAZER UMA VISITA AOS AVÓS

d) Material didático: Figuras anexas, cartazes com os bilhetes de Bento e da Mamãe, envelopes
(um para cada criança), tiras de papel com frases diversas.

ANEXOS:






0 comentários:

Postar um comentário