Reforma Íntima: Caridade e Amor ao Próximo



POR QUE ESTOU AQUI?   

AULA 4- Reforma Íntima: Caridade e Amor ao Próximo

OBJETIVO: Trabalhar os valores: “caridade e amor ao próximo”

MOTIVAÇÃO: Dinâmica dos Balões

OBJETIVO: Mostrar a importância de procurarmos ajudar o nosso próximo.
TEMPO DE DURAÇÃO: 10 minutos
MATERIAL NECESSÁRIO: Balões
DESENVOLVIMENTO: Organizar os evangelizandos formando um grande círculo na sala e entregar um balão para cada um contendo tira de papel dobrada com uma frase sobre caridade/amor ao próximo. Em seguida, o educador pedirá que os evangelizandos encham os balões e que joguem para o ar durante 1 minuto. Nenhum balão pode cair no chão. Os evangelizandos deverão perceber que devem cuidar do balão dos outros também. Ao final da dinâmica, perguntar aos evangelizandos se foi fácil cuidar de seu balão e o que poderiam ter feito para facilitar seu trabalho.
CONCLUIR: Muitas vezes, ainda pensamos exclusivamente em nós, sem nos preocuparmos com o bem-estar alheio. Mas todos nós dependemos uns dos outros. Não há ninguém que possa viver sozinho.

DESENVOLVIMENTO:

O que é a caridade? Ouvir as respostas.
É o amor em ação e pode ser praticada por todos.  Amor em ação: São atitudes no bem. Caridade é essencialmente amor ao próximo. É amarmos uns aos outros e fazermos a todos o que gostaríamos que nos fizessem.
Explicar as diferentes formas em que o amor se manifesta: o amor de Deus, o amor a natureza e animais, o amor universal, o amor próprio, o amor maternal, filial, o amor entre homem e mulher, o amor a uma causa ideal e o amor como força que move o universo.
Jesus nos ensinou que o nosso primeiro dever é amar a Deus sobre todas as coisas e ao próximo como a si mesmo.
Sentimos o amor de Deus em todas as coisas a nossa volta e a mais bela maneira de amar a Deus é amar o nosso próximo.
Quem é o nosso próximo? Ouvir as respostas.
A humanidade inteira.
Quem ama ao próximo sabe perdoar, é bondoso, prestativo, não pensa o mal, tem palavras de carinho para com o próximo.
Como se pode praticar a caridade? Ouvir as respostas.
Exemplos: doação de alimentos, roupas, dinheiro, remédios; atitudes como um abraço, carinho, sorriso, aperto de mão. Pode ser exercida através da prece, vibrações, perdão sincero, sentimentos de amor e carinho, coisas boas que desejamos aos outros; por palavras que expressam amor, consolo e o falar suave, sem gritar; silêncio diante da ofensa, atenção diante de um desabafo de alguém que sofre.
Dando algo que possa ser útil para outra pessoa. Se dermos uma coisa inútil, como um brinquedo todo quebrado ou uma roupa rasgada, não praticamos caridade alguma. Tem valor darmos do que nos sobra, mas muito mais valorosa é a doação que sai do necessário.
Praticamos a caridade também com as palavras, não falando mal dos outros, dando conselhos bons, explicando algo para uma pessoa, animando alguém que está triste, falando bem de alguém de quem estejam falando mal...
 Também somos caridosos quando perdoamos os erros de alguém, ao invés de ficar criticando e contando para os outros.
Todos podem doar parte do seu tempo para trabalhar pelos semelhantes, confeccionando roupas, ensinando algo útil, participando de campanhas para arrecadação de alimentos, lendo para uma pessoa cega ou analfabeta, visitando asilos e hospitais...
E vocês como podem praticar a caridade? Ouvir as respostas.
Mostrar que não zombar dos colegas, não rir de alguém que caiu ou se chocou contra algo, ajudar no entendimento das matérias, dividir o lanche com quem não tem dar informações a um amiguinho que veio de outra escola, não dar muito trabalho às faxineiras, sujando a sala, não dar mais preocupações que as necessárias a pais e professores, não bagunçar a casa, fazer algo para os pais e muitas outras coisas que uma criança pode fazer facilmente são formas de se praticar a caridade.
A caridade moral, como a entendia Jesus, é elucidada na questão 886 de O Livro dos Espíritos, como sendo benevolência (boa vontade) para com todos, indulgência (tolerância) para com as imperfeições alheias e perdão das ofensas.

CONCLUSÃO: A caridade é o amor em ação. A caridade pode ser material ou não, pode ser realizada por ricos, pobres, não depende da idade, da saúde, da religião, do lugar em que se está, ou seja, pode ser praticada por todos.
Jesus nos recomendou, sabiamente, que amássemos uns aos outros. Se fizermos isso, seremos automaticamente caridosos.

ATIVIDADE: Contar a estória "UM PEDAÇO DE CORAÇÃO”. Após contar a estória, entregar um desenho de coração, papel colorido, massinha de modelar, cola e tesoura. As crianças deverão preencher o coração com pedacinhos de papel e massinha formando o coração da estória. (A massinha forma as irregularidades). Pode ser feito individual ou em grupo. Depois cada um vai receber um coração menor e deverá escrever dentro dele o que quer para o seu coração ou o que quer que seu coração esteja cheio... O meu coração está cheio de... No final o evangelizador deverá conduzir o grupo a trocar os corações ao som de uma música apropriada, tipo Coração de Estudante, Canção da América ou outra.

Música:
Janelas do meu coração (César Tucci)
Trenzinho da caridade



UM PEDAÇO DE CORAÇÃO

Um jovem estava no centro da cidade, proclamando ter o coração mais belo da região. Uma multidão o cercou e todos admiraram o seu coração. Não havia marca ou qualquer outro defeito. Todos concordaram que aquele era o coração mais belo que já tinham visto. O jovem ficou muito orgulhoso por seu belo coração.

De repente, um velho apareceu diante da multidão e disse: "Porque o coração do jovem é mais belo do que o meu?”.

A multidão e o jovem olharam para o coração do velho, que estava batendo com vigor, mas tinha muitas cicatrizes. Havia locais em que pedaços tinham sido removidos e outros tinham sido colocados no lugar, mas estes não encaixavam direito, causando muitas irregularidades. Em alguns pontos do coração, faltavam pedaços.

O jovem olhou para o coração do velho e disse:
"O senhor deve estar brincando... Compare os nossos corações. O meu está perfeito, intacto e o seu é uma mistura de cicatrizes e buracos!"

"Sim! - disse o velho - Olhando, o seu coração parece perfeito, mas eu não trocaria o meu pelo seu. Veja, cada cicatriz representa uma pessoa para a qual eu dei o meu amor. Tirei um pedaço do meu coração e dei para cada uma dessas pessoas. Muitas delas deram-me também um pedaço do próprio coração para que eu colocasse no meu, mas como os pedaços não eram exatamente iguais, há irregularidades. Mas eu as estimo, porque me fazem lembrar do amor que compartilhamos. Algumas vezes, dei pedaços do meu coração a quem não me retribuiu. Por isso, há buracos. Eles doem, ficam abertos, lembrando-me do amor que senti por essas pessoas... Um dia espero que elas retribuam, preenchendo esse vazio. E então, jovem? Agora você entende o que é a verdadeira beleza?"

O jovem ficou calado e lágrimas escorriam pelo seu rosto. Ele aproximou-se do velho, tirou um pedaço de seu perfeito e jovem coração e ofereceu ao velho, que retribuiu o gesto. O jovem olhou para o seu coração, não mais perfeito como antes, mas mais belo que nunca. Os dois se abraçaram e saíram caminhando lado a lado.

JANELAS DO MEU CORAÇÃO (César Tucci)
            
Pela vidraça eu vejo o mundo à minha frente
Pela janela do meu coração
E se o vidro tiver cores diferentes
O mundo ganha outra coloração

Pela vidraça eu vejo o mundo à minha frente
Pela janela do meu coração
E se o vidro tiver cores diferentes
O mundo ganha outra coloração

Se eu estou triste tudo fica meio cinza
Se estou alegre logo muda o tom
Se tô com raiva então a coisa fica preta               
E fico achando que nada tá bom

Mas, se eu quiser olhar o mundo de verdade
E ver as coisas como elas são
Eu tomo a chave do amor, da caridade
E abro a janela do meu coração
Eu tomo a chave do amor, da caridade
E abro a janela do meu coração


TRENZINHO DA CARIDADE

O trenzinho da caridade,
da estação já vai partir!
Quem vai subir?
Tchi

O trenzinho da caridade
no coração transporta amor,
E leva a paz,
Tchi

Devagarinho ele sai
Entre as montanhas ele vai,
Caminhando sem parar,
Com alegria a cantar…
Lá lá lá lá lá’…

O  trenzinho da caridade
na estação já vai chegar
Olha ela lá!
Tchi

O  trenzinho da caridade
é conduzido por Jesus
Quem quer subir?
Tchi
EXEMPLOS DE FRASES:

Fora da caridade não há salvação
Caridade é fazer todo o bem ao nosso alcance.
A caridade é o amor em ação.
A caridade pode ser praticada por todos.
A caridade é indispensável à felicidade.
Caridade é carregar a cruz do outro mesmo que a sua já lhe pese sobre os ombros!
Ninguém é tão pobre que não tenha o que dar e ninguém é tão rico que não precise da ajuda de alguém.
A caridade é o único tesouro que se aumenta ao dividi-lo. (Cesare Cantú)
A caridade é a
 felicidade dos que dão e dos que recebem.  (Camilo Castelo Branco)
Nunca estás só. Sabendo disso, ajuda sempre. (André Luiz)
Se Jesus nos recomendou amar os inimigos, imaginemos com que imenso amor nos compete amar aqueles que nos oferecem o coração. (André Luiz)
A caridade é um exercício espiritual... Quem pratica o bem, coloca em movimento as forças da alma. (Chico Xavier)
A caridade é o processo de somar alegrias, diminuir males, multiplicar esperanças e dividir a felicidade para que a Terra se realize na condição do esperado Reino de Deus. (Emmanuel)
Se conservares o amor no coração, -obra divina do Universo-, nunca te perderás na sombra, porque terás convertido a própria alma em presença de luz. (Emmanuel)
O tempo utilizado a benefício do próximo é benção que entesouramos, em nosso próprio favor, para sempre. (Áulus)
Quando o amor não sabe dividir-se, a felicidade não consegue multiplicar-se. (Áulus)
O amor é o oxigênio para alma, sem o qual a mesma se enfraquece e perde o sentido de viver. (Joanna de Ângelis)
O amor é de essência divina e todos vós, do primeiro ao último, tendes, no fundo do coração, a centelha desse fogo sagrado. (O Evangelho Segundo o Espiritismo)
Você nem sempre terá o que deseja, mas enquanto estiver ajudando os outros, encontrará os recursos de que precisa. (André Luiz)
Duas asas conduzirão o espírito humano a presença de Deus: uma chama-se amor, a outra sabedoria. (Emmanuel)
Toda a moral de Jesus se resume na caridade e na humildade, isto é, nas duas virtudes contrárias ao egoísmo e ao orgulho. (O Evangelho Segundo o Espiritismo).
O amor e a caridade são o complemento da lei de justiça, pois amar o próximo é fazer-lhe todo bem que nos seja possível e que desejávamos nos fosse feito. (Allan Kardec).

6 comentários:

Anônimo disse...

Excelente, adorei!!! Há como conseguir a melodia da canção para ensinar às crianças??

Cibele Bustamante disse...

adorei essa aulinha! Parabéns, seu blog é demais!

Anônimo disse...

Ta Lu, vc é uma intensa luz que nos auxilia sempre. Obrigada pela dedicação e amor imensos que te faz estrela a nos guiar pelos caminhos da evangelização. Estou sempre consultando esse espaço abençoado que vc. criou. Há tempos havia deixado o trabalho como evangelizadora. Estou retornando, e suas aulinhas são um grande conforto para as minhas dúvidas e inseguranças. Que DEUS te cubra de bênçãos. Um grande e fraterno abraço. Lucimar

Luana Schuenck disse...

Ótimo !!! Parabéns pelo trabalho, excelente !

dayane kajan disse...

muito bom, me ajuda muito, obrigada!!!!!

kelle dantas disse...

bom dia!apesar de ser direcionado para o publico infantil,administramos com as nossas jovens gestantes,e o resultado foi bem satisfatório!obrigada!

Postar um comentário